sexta-feira, 29 de julho de 2011

Muse - Unintended

You could be my unintended 
Choice to live my life extended 
You could be the one I'll always love 
You could be the one who listens to my deepest inquisitions 
You could be the one I'll always love 

I'll be there as soon as I can 
But I'm busy mending broken pieces of the life I had before 
[ Lyrics from: http://www.lyricsfreak.com/m/muse/unintended_20096954.html ] 
First there was the one who challenged 
All my dreams and all my balance 
She could never be as good as you 

You could be my unintended 
Choice to live my life extended 
You should be the one I'll always love 

I'll be there as soon as I can 
But I'm busy mending broken pieces of the life I had before 

I'll be there as soon as I can 
But I'm busy mending broken pieces of the life I had before 

Before you

Ansiosa?! eu?! não!!!

Tenho um problema de pele desde os meus 18anos (se calhar ate menos que os 18anos).
Sempre deixei andar, ia pondo dexaval de vez enquando e pronto.
Aos 22/23 anos decidi ir a um dermatologista, como no centro saude não havia (tretas, não queriam era mandar-me para lá), tive de ir a um privado, aproveitei que tinha ADMG pelo meu ex marido e lá fui.
Fui a 3 consultas... até que desisti, o homem parecia mais nutricionista que dermatologista!!!

Andei mais uns anos com isto a chatear, até que no ano passado obriguei literalmente a minha medica do centro de saude a marcar dermatologia num hospital qualquer.
Sim que nós por vezes somos meio parvos e não obrigamos o medico a nada, mas temos direito às coisas, e decidi não me calar e disse que ela tinha de me passar a carta para o hospital.

Fui à consulta, fizeram-me um teste de alergias a produtos que usava, como shampoo, gel de banho e afins.
Descobri que sou alérgica ao pantene, ao fructis, ou seja a todos os shampoos que não são neutros.
Na 2ª consulta a medica nem olhou para mim, apenas disse "ah isso não tem cura, está aqui a alta" onde eu leio psoriase.
Não fosse eu uma gaja informada e aquilo caia-me no goto, mas sou, e logo por medicina que adoro!!!
Psoriase não era, a escamação não era igual e o meu pai tinha psoriase, e não tinha nada a ver...
Chateei-me no centro de saúde, e disse à medica que o sistema de saúde estava pela hora da morte!
Sem dinheiro para um dermatologista, la andei mais 1ano assim.

Quando o meu pai faleceu, deixou-me (infelizmente) uma modica quantia como herança, nada extravagante, decidi que ia ser para urgências, com a minha filha e comigo, urgências medicas, ou escolares, ou para coisas que ela precisasse e eu não tivesse como pagar.
Pois bem, 11anos com aquele problema de pele já bastava. Fui ao dermatologista no privado, uma medica super simpática, muito atenciosa, que mal olhou para mim disse:

"Voce é ansiosa não é?"
"Eu?! Acho que sim... um pouco"
"E esconde isso muito bem ao ponto de quem está por fora não ver, não esconde?"

(ok apanhaste-me)

Fiquei parvinha... o meu problema de pele é eczema atopico, tenho uma pele atopica, e é dos piores eczemas que há visto voltar sempre e piorar com a idade.
A pele ganha gretas, descama, e fica mais grossa devido à lesão...

Ela passou-me um tratamento muito rigoroso, 15dias uma pomada, mês a pomada e um creme mais mês só um creme. Noutra zona, outro creme diferente devido à sensibilidade daquele sitio... and so on!
Fez-me prometer que ia seguir à regra aquilo que só assim aquilo passava, não cura mas passa!

O que me convenceu a fazer tudo direito nem foi muitooo ela... mas a conta da farmácia, que até gaguejei, tremi, e nem sei mais o que...

Passaram 3dias desde o inicio do tratamento, e ... valeu cada cêntimo por agora!!
As lesões estão mais pequenas, a comichão já quase não existe e a pele está mais macia em certas zonas que antes era áspera.

Sei que para muita gente pode ser um luxo, mas para mim foi um caso de saúde... quase mental mesmo! Já era desespero. E 11anos naquilo...
 E agora faltam 3meses para acabar a fase inicial do tratamento, depois e só usar um creme para o resto da vidinha!!!

Daqui a 3meses volto a falar do mesmo!! :D

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Alguma vez na vida???!!!


Leggings com lantejoulas, 49,95€

Mas é que nem pensar...
Feias e com um preço... upa upa!

"retirado: pipoca mais doce"

"Casal sem filhos que ganhe €2600 vai pagar €511 de imposto extra

Um casal sem filhos, em que cada um dos elementos tenha um salário bruto de 1.300 euros, vai contribuir com511 euros do subsídio de Natal para o imposto extraodinário."

Eu acho extraordinário, que os jornais só se importem em fazer contas com casais, ricos!!
Sim que um casal sem filhos ganhar este dinheiro, é rico.
Na minha modesta opinião, estes "senhores" deviam era preocupar-se em mostrar que 15 ou 20 euros numa familia onde se ganha 500euros, faz mais falta que os 511 deste casal!

Este mundo anda cada vez mais parvo!

Feitio...

Em conversa com uma pessoa, dei por mim a pensar o seguinte...


Eu não gosto de imposições, não gosto do certo e errado só porque alguém se lembrou que aquilo era o "certo" e todos temos de seguir aquela linha.
Não gosto de jantares "em familia", gosto sim de jantares com o meu irmão, onde não há horários, nem marcações, nem opiniões de como devia ou não levar a minha vida.(embora ele agora ate opine demais, depois de me ver... menos bem digamos assim) 
Não gosto da ideia de que todos os domingos teria de ir ao meu avô, apenas porque decidiram isso assim, e incutiram isso às geraçoes seguintes, eu não vou, não gosto.
Gosto de visitar quando me dá na cabeça, quando acho que "hoje até tenho tempo, vou lá dar lhes um beijo" e ai sim é uma visita sentida porque não é nada que disseram ou definiram como "tem de ser".
Com o meu divorcio, e posterior separação de um outro gajo que tive, aprendi a viver sozinha, sem explicações, sem ter de ouvir que isto ou aquilo que faço é errado ou certo. 
Trabalho o dobro do que talvez devia, pago as minhas coisas, vivo a minha vida!
Apenas com os meus tempos e horarios. Com a casa limpa ou suja. 
E acreditem que gosto mesmo de estar assim, nesta situação... acho que o unico senão que tenho na minha vida é mesmo o não sair muito, mas isso é outro tema de assunto que um dia terei!
Passando...
Mesmo sendo como sou, e sendo um pouco estranha na forma como penso na vida e o que acho dela, continuo a querer alguém na minha vida, não me vejo daqui a uns anos sozinha, apenas com conhecidos, mas sim alguém do meu lado que viva o que eu vivo, não como dois mas como um.
Não porque mo impuseram, ou porque disseram que a raça humana foi feita para casar e procriar, mas por mim, pelo que sinto, pelo que sei que poderei dar e talvez receber.
Eu gosto da ideia de viajar com alguém a meu lado, da troca de ideias, das conversas parvas, dos momentos bons e maus!
Nao se trata do dividir uma casa, ou despesas, ou escolher as cortinas como me disseram, trata-se da divisao em si.
Se vai haver cortinas e compras e afins? Claro que sim! Mas sozinha tb tenho disso... e isso para mim é algo minoritário em comparaçao com o resto que gostaria de ter.
Os amigos são muito bonitos, mas, vão e vem... e mesmo os bons um dia nao vao estar disponiveis.
Os conhecidos nao irao ao meu funeral, não me amaram, e o pouco amor que eu poderei dar a um desconhecido não chega!

A vida não é tão linear como se pensa... e certa também não é.
E se fui obrigada a vir para este mundo mesmo sem eu querer, e se tenho de seguir esta viagem chamada vida... então prefiro segui-la com alguém a meu lado...

É apenas a minha forma de ver as coisas!

terça-feira, 26 de julho de 2011

Dia dos avós!

Pelos vistos hoje é o dia dos avós!
Eu não ligo muito a estas datas, claro que dia da mãe e dia do pai dou, visto ter uma filha e ela na escola fazer coisas lindas nesse dia!
Mas esta do dia dos avós nunca lhe liguei, porque é apenas um dia!

Mas a minha mãe fez questão de me lembrar, deste dia, que acabou por me fazer lembrar a minha avó.
E embora me lembre dela quase todos os dias, a verdade é que evito de me lembrar, porque a saudade é tanta que corrói-me as entranhas a um ponto tal que o peito parece que vai rebentar.
E os olhos teimam em trazer ao de cima aquela água salgada, que eu evito "provar" a todo o custo!

O meu amor pela minha avó é tanto que chega ao ponto de ser impossível expressa-lo, e embora me possam dizer que devia ter estado com ela mais vezes em vida, a verdade é que ninguém entende a dor que era vê-la como estava e não poder fazer muito!
E ninguém sabe o orgulho que era para mim ser a única de quem ela se lembrava, e ninguém sabe a dor que era vê-la triste, doente, e confusa!
E eu fugia daquela dor, como todo o filho acaba por fugir quando ama, acho eu! Mas que sei eu da vida!

A verdade é que tenho umas saudades enormes dela, do seu colo, do patareca, do minha estrela, do abraço com um "vai tudo ficar bem".
Tive a melhor "mãe" do mundo, mãe essa que gostava de ser para a minha filha se a vida assim o permitisse.

E como eu acredito que há um outro lado melhor que este...

Adoro-te avó, sempre hei de adorar até ao fim dos meus dias.
Obrigada por tudo o que foste para mim, de tudo o que me deste mesmo não podendo!
Obrigada por todo aquele amor que valia mais que qualquer brinquedo!

Raio de olhos...  entretanto volto cá!

Feliz dia para todos os avos!

Consulta

Da consulta de hoje e depois de 160euros, que me fez tossir e arrepiar em frente à recepcionista, diz a medica que:

"pronto tem uma lesao, mas não é nada de grave ao ponto de ter de se preocupar, por vezes é apenas uma lesao que o corpo encarrega-se de tratar, outras vezes é o virus HPV! Quer fazer o exame de novo daqui a 6meses ou quer fazer uma analise ao HPV"

Escolhi a analise ao HPV, dai os 160euros, e daqui a 6meses quer queiram quer não vou fazer de novo a citologia!

Agora é esperar 3semanas pelo resultado do virus!

A espera em pessoas ansiosas não é nada bom!
Um dia aprendes...Depois de algum tempo tu aprendes a diferença, A subtil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma. E tu aprendes que amar não significa apoiares-te, E que companhia nem sempre significa segurança. E começas a aprender que beijos não são contratos E presentes não são promessas. E começas a aceitar as tuas derrotas Com a cabeça erguida e olhos adiante, Com a graça de um adulto E não com a tristeza de uma criança. E aprendes a construir todas as tuas estradas no hoje, Porque o terreno do amanha e incerto demais para os planos, E o futuro tem o costume de cair no meio do vão. Depois de um tempo, tu aprendes Que o sol queima se ficares exposto por muito tempo. E aprendes que não importa o quanto tu te importes, Algumas pessoas simplesmente não se importam... E aceitas que não importa quão boa seja uma pessoa, Ela vai ferir-te de vez em quando e tu precisa perdoa-la por isso. Aprendes que falar pode aliviar dores emocionais. Descobres que se leva anos para se construir confiança E apenas segundos para destruí-la, E que tu podes fazer coisas num instante, Das quais te arrependeras para o resto da vida. Aprendes que as verdadeiras amizades Continuam a crescer mesmo a longas distancia. E o que importa não e o que tu tens na vida, Mas quem tu tens na vida. E que bons amigos são família Que nos permitiram escolher. Aprendes que não temos que mudar de amigos Se compreendemos que os amigos mudam, Percebes que o teu melhor amigo e tu Podem fazer qualquer coisa, ou nada, E terem bons momentos juntos. Descobres que as pessoas Com quem tu mais te importas na vida São-te tomadas muito depressa, Por isso sempre devemos deixar As pessoas que amamos com palavras amorosas, Pode ser a ultima vez que as vemos. Aprendes que as circunstancias e os ambientes Tem influencia sobre nos, Mas nos somos responsáveis por nos mesmos. Começas a aprender que não te deves comparar com os outros, Mas com o melhor que podes ser. Descobres que levas muito tempo Para te tornares na pessoa que queres ser, E que o tempo e curto. Aprendes que não importa aonde já chegaste, Mas para onde estas a ir. Mas se tu não sabes para onde estas a ir, Qualquer lugar serve. Aprendes que, ou tu controlas as tuas acções Ou elas te controlarão, E que ser flexível não significa Ser fraco ou não ter personalidade, Pois não importa quão delicada e frágil Seja uma situação, Existem sempre dois lados. Aprendes que heróis são pessoas Que fizeram o que era necessário fazer, Enfrentando as consequências. Aprendes que a paciência requer muita pratica. Descobres que algumas vezes A pessoa que tu esperas que te chute quando tu cais e uma das poucas que te ajuda a levantar. Aprendes que maturidade tem mais a ver Com os tipos de experiência que tiveste E o que tu aprendeste com elas Do que com quantos aniversários já celebraste. Aprendes que há mais dos teus pais em ti Do que tu supunhas. Aprendes que nunca se deve dizer a uma criança Que os sonhos são uma parvoíce, Poucas coisas são tão humilhantes E seria uma tragedia se ela acreditasse nisso. Aprendes que quando estas com raiva Tens o direito de estar com raiva, Mas isso não te da o direito de seres cruel. Descobres que só porque alguém não te ama Da forma que tu queres que te ame, Não significa que esse alguém Não te ame com tudo o que pode, Pois existem pessoas que nos amam, Mas simplesmente não sabem Como demonstrar ou viver isso. Aprendes que nem sempre e suficiente Ser perdoado por alguém, Algumas vezes tu tens que aprender A perdoar-te a ti mesmo. Aprendes que com a mesma severidade com que julgas, Tu serás em algum momento condenado. Aprendes que não importa Em quantos pedaços o teu coração foi partido, O mundo não pára, para que tu o consertes. Aprendes que o tempo não e algo Que possa voltar para trás, Portanto, planta o teu jardim e decora a tua alma, Ao invés de esperares que alguém te traga... flores.E tu aprendes que realmente podes suportar... Que realmente és forte, E que podes ir muito mais longe Mesmo depois de pensares que não podes mais. E que realmente a vida tem valor E que tu tens valor diante da vida! As nossas duvidas são traidoras E fazem-nos perder O bem que poderíamos conquistar, Se não fosse o medo de o tentar...

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Estranha?! Não!

O meu organismo é estranho, deve sair à dona.
Enquanto há pessoas que com o stress emagrecem e muito, outras há que engordam e muito!
Eu estou no rol de quem engorda com o stress, mas só o stress...

A nutri explicou o porquê e até deu nome à coisa, mas não me lembro neste momento.

Mas vamos a factos!
Andava eu na nutri, queria emagrecer, e nada... pelo contrario até engordei!
Decidi deixar a nutri, descansei uns dois dias, porque não tinha encomendas nessa altura e... em 2semanas perdi 2.5kg...

Conclusão?! Devia sair-me o euromilhões! Descanso e 0 preocupações, e era uma gaja toda boa!

Agora entendo porque muita gente engorda nas férias, e aqui a miss emagrece nas ferias...

Um aparte... a gino já é amanhã... até me doi as entranhas!!!

terça-feira, 19 de julho de 2011

Não me agrada!

A forma como me falam ao telefone quando digo que quero que me enviem o exame para ir mais cedo à medica.
Até pode ser panca, mas falarem comigo normalmente e depois de ver o meu processo falarem cheias de penas nas palavras assusta me...

Mas tambem pode ser uma grande panca minha!!

Mas que é raro errar quando acho que algo está errado, lá isso é.

Casamento!

Andar, por motivos profissionais, num forum sobre casamentos, faz mal...
Muito mal!

Primeiro é um misto de "ohhh! tão fofos! era bom algo assim"
Depois vem a bipolaridade, e o mau feitio e diz "tanta merdice e daqui a um mês ou dois estão separados!"

Eu gostava de acreditar em contos de fadas, juro que sim, mas está dificil!!!

Se um dia me virem aqui cheia de coraçõezinhos, lembrem-me deste post lol

Fashion!

Que é muito bonito andar toda fashion e com a ultima colecção, e toda pipi, etc e tal até pode ser (para algumas), mas para mim não é.
Detesto esta nova moda, é tudo feio, e eu não sou pessoa de andar com coisas que não gosto só porque é moda.
Além disso, quem definiu aquilo como moda?
Será que muita gente se olha ao espelho antes de sair e gosta daquilo que lá ve?
Eu cá prefiro vestir o que gosto e com o que me sinto bem!

E tudo porquê? Porque vi num blog uns sapatos iguais a estes

E meus amores, estes sapatos fazem-me lembrar os sapatos que o meu avô usava quando eu era miuda.
E se já não lhes achava muita piada, sendo para homem, para mulher muito menos piada lhes acho.
Há modas mesmo mesmo feias....
E gente que só compra disto para dizer que está "in" quando na realidade se olha para ali e ... " WTF"

inspira/expira

Isto 500x para ver se não me dá para a choradeira aqui no trabalho!
Acabaram de me ligar da clinica onde fiz o papanicolau a dizer que tem uma anomalia, e que tenho de ir a consulta com a ginecologista dia 26, ou seja uma semana a sofrer a pensar o que terei eu ali...

So a mim! E que nao chega as coisas que a minha vida ja tem...

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Caderneta de cromos

Depois de ouvir vezes sem fim, aqui no trabalho, que eu tenho 1, largo e tenho logo outro (falamos de homens), e depois de muito pensar no que esta gente poderá pensar de mim, visto não saberem da minha vida, lembrei-me que era giro fazer uma caderneta de cromos.

Os cromos da minha vida!

Acho que ia ser giro...

Ora comecemos hoje pelo 1º...

1º cromo da minha vida

Chamava-se Ricardo, eu tinha 11/12anos, ele 11/12 como eu, foi a quem dei o meu 1º beijo, numas escadas escondidos de toda a gente.
Sempre fui pessoa de acreditar em contos de fadas, e pensava que ia ter ali um namorado para a vida, tão nova e com ideias tão parvas.
Começaram as férias de natal, passaram as férias de natal, começou a escola, fui ter com ele e... era como se não me conhecesse.
Deixou de me falar, ignorou-me e fugia de mim... (se calhar tinha mau hálito, não sei!!)

Atenção aos mais sensíveis que poderão ler isto, embora tivesse os meus cromos, no que se trata de coisas mais a sério, e quando digo mais a sério é sexo mesmo, sempre fui atinadinha, não deixava que os cromos de estimação pusessem as mãos onde queriam... e se pusessem levavam logo na tromba!

Explicação esta, porque tinha uma amiga que aos 11anos era mais rodada que sei la o que!

Love it!

terça-feira, 12 de julho de 2011

Gosto..

De homens que quando sabem que uma pessoa está sozinha, ligam logo, para "saber como estamos".

Sim! A preocupação é muita.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Farta!!

Acabei de enviar um sms ao meu ex marido, sim, começo a ficar farta de toda a gente à minha volta, e da falta de compreensão que advém dessa gente.

E a sms diz:
"Há uma m... que tu e muita gente tem de aprender. Eu não sou nenhuma super mãe, muito menos super mulher. Faço o que posso e o melhor que posso. Tenho dois trabalhos que me ajudam a pagar as contas da casa, tudo para não gastar dinheiro que um dia dará para a educação da minha filha. Para isso ando cansada, ando morta, ando sem paciencia e muito mal da cabeça. Por isso se alguém acha que tenho a casa por arrumar ou que não trato da minha filha como deve ser porque dou prioridades a outras coisas que dê um passo em frente para ser melhor que eu. Começo a ficar farta das bocas e da falta de compreensão por parte das pessoas."

É muito bom apontar o dedo, e meter defeitos, mas ninguém e quando digo ninguém, é mesmo NINGUÉM quereria estar no meu lugar.
Ando a ficar farta, e isso não é bom porque no dia que rebentar para todos os lados vai ser mau!!

3semanas

Para mentalizar.... 3 semanas!!!

19 dias de trabalho! certinhos e estou de férias... Férias weee! Passado 8meses sem férias, irra.

E falta apenas 1/2semanas para ser tia, a irmã do meu ex marido, que ainda chamo de cunhada terá a sua Matilde a qualquer altura.

E falta 15dias a 1mes para ser madrinha, a minha cunhada e o meu irmão vão ter uma Leonor, a minha afilhada Leonor, que já adoro e ainda nem a vi :)

Por isso bons dias se avizinham, as férias vão ser repletas de amor, e cheirinho a bébe :D

Aiii!

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Ainda em relaçao...

a este post http://olharespelho.blogspot.com/2011/06/das-muitas-uma.html

É confirmado:

- Estou fria
- Distante
- Orgulhosa (muito mesmo) e nunca o fui

Não consigo dizer gosto de ti, não consigo acreditar em contos de fadas como antes, não acredito na bondade de ninguém.
Não aceito um meio termo, um talvez sim talvez não, ou sim ou sopas.
Não consigo dizer adoro-te... às vezes está ali na ponta da lingua mas engulo antes que a palavra saia sequer cá para fora.
Não quero ninguém a dormir em minha casa.
Não confirmo nem desminto as saudades que tenho...

Estou magoada é o que é...
Mas se disser que não gosto de ser assim?
E ao mesmo tempo disser que ainda bem que o sou?

Estranho certo? Mas para quem já foi magoada vezes demais, acho que é normal...

Mas depois vem o reverso da moeda... e se não me der com ninguém e todos se fartarem desta minha versão?

Acho que me habituei a não esperar nada de ninguém, e quando digo nada é mesmo nada. Talvez por isso goste de ser eu a fazer tudo, por mim, para mim, sem ter de um dia ouvir que me ajudaram muito ou algo que se valha.

Um dia hei de descobrir quem sou neste momento, tenho é de fazer uma introspecção... anda complicado!

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Mau feitio!

Sim, estou com muito mau feitio e pouca paciência.

Tenho dormido pouco, ando preocupada, ando stressada...

E depois começo o dia com uma fulana na net a dizer que precisa de ajuda máxima da segurança social, porque o ordenado dela junto com o do namorado não dá para as contas e bla, bla pardais ao ninho!

E depois ouço o desabafo de uma colega, que não tem filhos e o namorado a ajuda em TUDO, mas tudo em casa, e sai as 17 do trabalho, e vem se queixar que não tem tempo para nada, que não trata dela, e ainda se sente culpada pela falta de atenção que tem para com ele bla bla pardais ao ninho também...

E isto irrita-me porquê??!!

Foda-se (e desculpem a asneira, mas é o que me apetece dizer a meio mundo), eu moro sozinha com a minha filha, eu entro às 8.30 saio às 17 vou buscar a minha filha e ainda vou trabalhar para casa.
Eu tenho responsabilidades de uma casa,de um monte de contas, e com um ordenado de 565euros.
Só me safo e à rasca porque o pai da minha filha dá a pensão de alimentos, e porque tenho o tal 2º trabalho, que me tira horas de sono, e me tira anos de vida. Sim que trabalhar 14horas e andar stressada e não conseguir dormir dá cabo de qualquer um...

Então eu teria de me queixar da falta de tempo que tenho, da atenção que a minha filha não tem da mãe e que me mata por dentro, das vezes que a minha filha diz "estás sempre a trabalhar" mesmo eu fazendo o 2º trabalho em casa.
E teria de me queixar por não poder tratar de mim de forma nenhuma, porque ou penso em sobreviver ou penso se ando bonita e linda e esbelta...
E teria de me queixar da minha casa que está toda em pantanas, pela falta de tempo, sim que eu não tenho nem pai, nem mãe, nem namorado que me vá limpar a casa.
E teria de me queixar dos problemas de saúde que tenho tido, nada que mate mas que moe, infecções atrás de infecções, que desde Setembro do ano passado é antibiótico mês sim, mês não.
E já agora da conta da farmácia que tenho tido nestes meses... ou devia pedir à segurança social ajuda....

O problema de muita gente que se queixa é nunca ter sido habituada a nada, se tivessem como eu que tive sempre de me mexer e desenrascar não se queixavam. E se nunca tivessem palmadinhas nas costas também.
E já agora se não tivessem ajudas... ai sim davam valor às coisas e deixavam de se lamentar.

Por isso a todos os que tem queixinhas a apresentar, fiquem já a saber que não gosto, aliás abomino coitadinhos ou que se façam de coitados.
Há pessoas em pior situação, há pessoas em pior situação e trabalham ao maximo para se safarem, e há pessoas piores com problemas muito piores do que a simples "faltinha" de tempo, ou das contas que não chegam quando são 2 pessoas a ganha-lo...

E não não estou a falar de mim, nem estou melhor nem pior que ninguém, apenas estou, e não me queixo, porque o meu lema de vida para seguir em frente é... "para quê me queixar quando há pessoas em pior situação que eu? só tenho de me dar por feliz pelo que tenho"

Sim ando com mau feitio... muito mau!!!

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Elas não doem mas remoem (um pouco vá)

Há dias que me ponho a pensar, ultimamente até demais, deve ser o tempo!
O meu ex-marido, com quem me dou muito bem diga-se de passagem, hoje virou-se e contou-me que a namorada estava triste ontem, coisa que eu já sabia, que conheço a moçoila e vi no face dela a dizer que não estava bem, vai dai que pegou e foi até casa dela de surpresa, com uma flor feita por ele em balões modelados.

O que me doeu ou remoeu?

Este é o mesmo gajo com quem estive 9anos, e com quem tive guerras sobre a falta de romantismo, sobre a falta de paciência, sobre a falta de atenção, com a falta de tempo, and so on!! Um dos motivos do nosso divorcio foi mesmo isso, era eu sozinha, com a nossa filha, porque ele só se dedicava ao trabalho e às gajas que andava por fora, ok foram 2 gajas, mas já é suficiente para dizer gajas certo?

E eu atiro com uma resposta à sms dele "estás muita ramantico pá", ao que ele me diz "sabes que o divorcio me fez mudar muita coisa"...

Mas quê, para um gajo é preciso haver divorcio para se lembrarem que afinal deviam mudar a maneira de ser? Haja paciencia.
Sim senti-me, e doeu, rais parta esta coisa.

Mas atenção, as coisas com ele estão bem definidas, e damo-nos muito bem como amigos, e espero que seja desta vez que acente com esta rapariga, que está mais que na altura de ganhar juizo lol.